Slider

  • Biblioteca Escolar Severim de Faria

    Descrição1
  • Biblioteca Escolar Severim de Fariao

    Descrição2
  • Biblioteca Escolar Severim de Faria

    Descrição3
  • Biblioteca Escolar Severim de Faria

    Descrição4
  • Biblioteca Escolar Severim de Faria

    Descrição5

Link back

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

A televisão como meio cultural e anti-cultural

Um tema, um raciocínio, argumentos... é preciso escrever, é preciso saber argumentar!



A televisão é, nos dias de hoje, o mais rodado meio de comunicação, apresentando duas funções que se implicam mutuamente. A primeira função é uma função cultural ou informativa e a segunda advém da primeira e apresenta um efeito contrário.
Primeiramente, e dependendo dos canais ou programas a que assistimos (e mesmo esses têm a sua qualidade), a televisão pode servir como um meio informativo e cultivador, sendo esta informação referente ao presente, passado ou futuro (tendo a televisão programas como telejornais, biografias ou documentários).
Por outro lado a televisão transmite também programas de baixa qualidade que atraem em grande escala as massas mas, que, de forma alguma têm a função primeira que referi, sendo estes os que apresentam a segunda função que não passa de prender espectadores ao ecrã, fazendo-os, simplesmente, perder tempo.
Assim, atesto que a televisão pode formar a cultura das pessoas ou anulá-la, dependendo daquilo a que cada um de nós assiste e como usa (ou se usa) a cultura adquirida em situações do quotidiano.

Tiago Clariano
12º LH1 N.º 26

1 comentário:

Maria João disse...

Certamente. É preciso saber escolher, mas creio que alguém que seja devidamente culto não tenderá a assistir a programas de baixa qualidade; ficando assim o fraco cada vez pior, caso não diversifique.